vote

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Crown Of Glory - King For A Day (2014) Suiça



O melódico power-metal ainda está forte no ambiente musical de hoje. Bandas como Rhapsody Of Fire, Helloween, Amorphis, Stratovarius e Edguy sempre trazem novos álbuns e continuam a ser popular. Exatamente o oposto destas bandas, Crown Of Glory é uma nova banda na cena e nos apresenta o seu segundo álbum 'King For A Day ". Vamos ver se eles podem manter-se com estes gigantes musicais.
Ao primeiro som, Crown Of Glory está fazendo tudo certo. A produção é muito boa, não há falhas a serem encontradas e os vocais são limpos e agradáveis de se ouvir. O tema de abertura 'Storm' é um pouco áspero e desagradável, especialmente no refrão, mas a segunda faixa "The End Of The Line 'faz um excelente pontapé de saída. Uma canção típica em que a banda fala sobre a humanidade matando o meio ambiente e poluindo a terra. Letras épicas sobre águias que nunca vão andar no céu novamente e baleias que nunca não cruzar os sete mares. Isto, combinado com os vocais agradáveis e cativantes de Hene Muther, cria uma boa canção que vai ficar presa na sua cabeça por um tempo. O single 'Saviour' vem com uma agradável bateria explosiva e riffs fortes. Começando com algum teclado, mas as assumem as guitarras e torna-o muito rapidamente numa faixa forte cheia de guitarras furiosas por Markus Muther e Hunge Berglas. Isto, combinado com um belo refrão cativante e solos encantadores de guitarra e teclado.
A banda não está fazendo nada de novo, mas eles não têm que o fazer, neste caso. Eles criaram "sing-a-long metal". Música que adere ao interior do seu ouvido e não quer sair facilmente. Será que isso importa estarão eles apenas a refazer as coisas já foram feitas antes? Não absolutamente não! Sim, você pode rastrear alguns dos riffs para outra banda, mas eles fizeram um álbum muito bom. Apesar de ser banal, é um álbum brilhante. Ele roda mais de uma vez no meu leitor de CD e o seduz para cantar em voz alta. E isso é o que conta com bandas de síntese. Não é realmente um "tem que ouvir", mas certamente vale a pena o seu tempo, se tu não esperas algo completamente novo.



Temas:
01. Storm
02. The End Of The Line
03. Saviour
04. One Fine Day
05. King For A Day
06. Riddle
07. Only Human
08. Hunter
09. Morpheus
10. Octaver
11. Once
12. House Of Cards

Banda:
Heinz "Hene" Muther - Vocals (ex-Crusaders)
Markus "Kusi" Muther - Lead Guitars (ex-Crusaders)
Hans "Hungi" Berglas - Rhythm Guitars (ex-Crystal Ball)
Jonas Lüscher - Bass
Philipp Meier - Keyboards & Backing Vocals (ex-Crystal Ball, ex-Crusaders)
Marcel Burgener - Drums (ex-Charing Cross)





Sem comentários: