terça-feira, 16 de setembro de 2014

Primal Fear – Unbreakable (2012) Alemanha


Bem vindos sejam todos ao ano de todos os perigos; da nossa era, pelo menos. 2012 entrou bem, enquanto estava a ser festejado no outro lado do mundo, por cá, no meridiano 0, e enquanto esperavamos pela nossa vez, Os Primal Fear deixavam-nos ter um primeiro olhar sobre a sua mensagem para este ano do juízo final, pelo menos no calendário Maya e nas profecias de Nostradamus. "Unbreakable" é como nos devêmos manter perante todas as adversidades que nos esperam, e vai daí mandam-nos logo para cima com ataque à moda do Padre Judas que por estes dias deve deixar Rob Halford um pouco nostálgico sobre os tempos em que largava a sua voz como faz este Ralf, se bem que este nada deixa a dever a Rob. Provávelmente até será verdade, mas conta-se em muitas tertúlias metálicas que Ralf e D.C. Cooper estavam na poole final para substituir Rob nos Judas Priest, tendo eliminado toda e qualquer concorrência, diga-se em abono da verdade por mérito próprio, quando Glenn Tipton e KK Downing ouviram Tim "Ripper" Owens numa banda de covers dos mesmos e decidiram logo ali quem iria tomar o lugar de Halford. Acasos Felizes!
Este novo disco destes Primal Fear é um bom exemplo de power metal tradicional e como deve de ser levado até ao público. Directo, potente, com postura e classe e acima de tudo, e agora aqui há que ser realista, com estes músicos até o Pinto da Costa gostava de os ter a treinar o FC Porto; Mestres na plena ascênsão da palavra! Mat Sinner, Alex Beyrodt, Magnus Carlsonn, Ralf Schepeers e Rhandy Black são um grupo de artistas cuja qualidade de execução e composição não é ultrapassada por ninguém, tocam em vários estilos em variados projectos e acima de tudo o seu profissionalismo é a sua marca pessoal. Hinos metálicos que pedem para ser ouvidos uma e outra vez, refêrencias aos gloriosos tempos do "Turbo Lover" e outros dos Judas Priest, fazem deste disco algo a ser levado em conta. Para começar o ano,... Fabuloso! Autênticas motoserras a rasgar os vossos ouvidos não vão deixar indiferentes a "Metal Nation". Give 'em Hell, Boys! Será "A" compra deste novo ano.
McLeod Falou!





Temas:
1. Unbreakable (Part 1)
2. Strike
3. Give 'Em Hell
4. Bad Guys Wear Black
5. And There Was Silence
6. Metal Nation YouTube clip below (New)
7. Where Angels Die
8. Unbreakable (Part 2)
9. Marching Again
10. Born Again
11. Blaze Of Glory
12. Conviction
13. Night of the Jumps (bonus track)
14. Born Again [acoustic version] (bonus track for Japan)

Banda:
Ralf Scheepers - Vocals (Scheepers, ex-F.B.I., ex-Gamma Ray, ex-Helloween (live), ex-Tyran' Pace)
Magnus Karlsson - Guitars (Allen / Lande, Kiske Somerville, The Codex, Scheepers (live), Planet Alliance, ex-Last Tribe, ex-Midnight Sun, ex-Bob Catley)
Alex Beyrodt - Guitars (Missa Mercuria, Silent Force, Sinner, Voodoo Circle, Mat Sinner, ex-The Sygnet, ex-Wild Axes)
Mat Sinner - Bass (Goddess Shiva, Kiske Somerville, Sinner, Voodoo Circle, Scheepers (live), Mat Sinner, ex-Rick Renstrom, ex-Beast of Prey, ex-Cans)
Randy Black - Drums (Duskmachine, ex-Deception, ex-Annihilator, ex-Rebellion, ex-Rooky)





Sem comentários: