quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Serenity - Codex Atlanticus (Japanese Edition) (2016) Austria



Após lançamento do épico "War of Ages" esperámos um pouco mais de 2 anos para esta banda austríaca editar um novo disco. Com o "Codex Atlanticus", a banda continua a viagem musical de Symphonic Metal com algumas mudanças de formação e a mesma abordagem musical bombástica. Entregam dez faixas (esta versão tem mais 4 temas bónus) de sólido Symphonic / Power Metal, a banda nos envolve numa viagem sonora e histórica, dentro do contexto de Leonardo da Vinci, por mais de 50 minutos de música.
Com o tema de abertura temos uma introdução explosiva, está facilitando a natureza melódica soberbamente cativante de "Follow Me". Esta faixa soa muito semelhante a Sonata Arctica com algumas orquestrações extra. Os múltiplos ataques vocais voltam com a agitada "Sprouts of Terror", para este álbum Clémentine Delauney parece estar faltando e podes ouvir a diferença nas faixas em que usam vocais femininos.
Outro grande ponto que mudou neste disco é a saída do membro de longa data Thomas Buchberger nas guitarras. A nova adição à banda, Cris Tían (ex-Visions of Atlantis) faz um trabalho bastante sólido e também administra alguns elementos VoD em algumas das faixas, como "Reason". Embora existam algumas faixas verdadeiramente memoráveis e épicas como "Fate of Light", este lançamento se sente um pouco vazio, sem a bombástica exuberância do lançamento anterior da banda, tanto nas melodias vocais compartilhadas e as orquestrações.
Georg Neuhauser faz um óptimo trabalho a lidar com os vocais, mas a música se sente muito menos inspirada e mais Power/Heavy metal do que antes, como no hino " Spirit in the Flesh". Colaborador de longa data da banda Oliver Philipps, parece também ter estado neste disco, fazendo o som da banda mudar um pouco e andar em territórios desconhecidos. No entanto realmente não acho que as alterações do line-up e os contribuintes sejam totalmente maus, parece que as coisas precisam de pelo menos mais um álbum para explodir novamente. "Codex Atlanticus" é um lançamento decente que mostra a transição musical da banda.



Temas:
01. Codex Atlanticus
02. Follow Me
03. Sprouts Of Terror
04. Iniquity
05. Reason
06. My Final Chapter
07. Caught In A Myth
08. Fate Of Light
09. The Perfect Woman
10. Spirit In The Flesh
11. The Order
12. Forgive Me (Bonus Track)
13. Sail (Bonus Track)
14. My Final Chapter (Orchestral Version) (Bonus Track)
15. My Final Chapter (Instrumental Version) (Bonus Track)
Banda:
Andreas Schipflinger - Drums, Vocals (backing) (2001-present)
Georg Neuhauser - Vocals (2004-present) (Phantasma (Int))
Fabio D'Amore - Bass, Vocals (backing) (2011-present) (Pathosray, ex-Exempla, ex-Fairyland, ex-Mirrormaze, ex-Xandria (live))
Cris Tían - Guitars (2015-present) (ex-Visions of Atlantis)



Sem comentários: