vote

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Apollo - Waterdevils (2016) Suécia



"Waterdevils" é o álbum solo de estreia de APOLLO. Depois de mais de duas décadas a contribuir com a sua voz e composição em álbuns de estúdio, finalmente, é hora do vocalista sueco Apollo Papathanasio entregar seu primeiro CD solo.
O ex-Firewind e atual vocalista dos Spiritual Beggars, Apollo está envolvido com a música desde adolescente na frente de muitas bandas ao longo dos anos. Como profissional fez parte da Time Requiem, a muito boa banda Evil Masquerade e talvez a sua mais famosa banda até à data: Firewind.
Escrevendo e gravando ao longo dos últimos anos, primeiro pensamento de Apollo foi introduzir a sua música através de uma nova banda. Mas os amigos convenceram-no a faze-lo sozinho.
Agora 2016, Apollo chega com seu primeiro álbum solo "Waterdevils".
Para começar, há algumas coisas que não sabemos sobre este álbum. Mais significativamente Apollo teve alguma ajuda para escrever e organizar estas canções e que tocou no álbum além dele. Os créditos estão em falta.
Mas o que sabemos é as coisas boas. Como vocalista e compositor Apollo está em boa forma.
Tem um ligeiro lado em bruto na sua voz, Apollo canta forte, melódico e limpo. Mais importante, a música parece moldada e distorcida para combinar com o seu timbre, talvez mais do que com suas bandas mais recentes.
Mas tendo dito todas estas coisas finas de Apollo como vocalista, ele pode realmente ter superado pelas canções e músicas próprias.
Estilo do "Waterdevils" de Apollo é essencialmente melódico hard rock com uma pequena ponta de metal, mas ainda envolto em acessibilidade AOR. Melodia, harmonia e groove são abundantes a partir dos riffs e acordes para arranjos vocais, a partir de refrões cativantes para os solos rasgandos. Há alguma força significativa e enérgica através deste álbum também.
Dentro de "Fallen Endlessly" (uma espécie de hino sutil) a bateria é excelente, especialmente no outro após o solo de guitarra.
Para algum animado hard rock e Groove temos "Rise Up" e "Liberate Yourself" que agita com energia e entusiasmo. Para além do limite, nomeadamente nos riffs e condução da secção rítmica, olha para o rápido "Revolution For The Brave" e "Chasing Shadows". Curiosamente, aqui não há nada parecido com uma balada. A coisa mais suave talvez a supracitada "Falling Endlessly".
Para um primeiro trabalho solo, em "Waterdevils" Apollo controi um álbum poderoso e divertido misturando clássico melódico hard rock, AOR e algumas ponta de metal, música que combina com sua voz e fala da sua longa carreira nesses géneros.
O álbum foi muito bem gravado e misturado e com uma produção moderna.





Temas:
01. Revolution for the Brave
02. Liberate Yourself
03. Buried in a Flame
04. Safe and Sound
05. Fallen Endlessly
06. Crossing the Lines
07. Power
08. Rise Up
09. I Need Rock n’ Roll
10. Chasing Shadows
11. Through the Fire
12. Stop




Sem comentários: