domingo, 22 de julho de 2018

Rondinelli - Our Cross - Our Sins (2002) USA


Com o baterista Bobby Rondinelli (Rainbow) no comando, não é de surpreender que a sua banda realmente entregue música num estilo similar ao seu grupo anterior com Ritchie Blackmore. No entanto, com o baixista Neil Murray (Whitesnake / Black Sabbath) e o vocalista Tony Martin (Black Sabbath / Giuntini Project) também fazendo parte da formação estrelar do álbum, o som dos anos 70 é aprimorado com influências dos Black Sabbath, e novamente, considerando os homens envolvidos, não é inesperado.
Cada uma das músicas de Our Cross, Our Sins, incluindo “The Meaning of Evil”, “It's a Lie”, “Time”, “Naughty Dragon”, “Dawn”, “Find the One”, “Midnight Hour” e a faixa-título, são matadoras, com riffs e solos de guitarra ultra-pesados (graças a Teddy Rondinelli), ocasionalmente embelezados com alguns toques de teclado leve (fornecidos por Dorothy Rondinelli), criando uma espécie de "paródia familiar", e parecia uma louvável fusão dos Black Sabbath com os Rainbow.
No geral, esta é uma versão altamente profissional e agradável que deve certamente agradar aos fãs de (sem grande choque) Rainbow, Black Sabbath ou muitos de seus grupos.





Тemas:
1. Naughty Dragon
2. Dawn
3. It's A Lie
4. The Meaning Of Evil
5. Midnight Hour
6. Find The One
7. Bulls Eye
8. Time
9. Our Cross - Our Sins
Banda:
Tony Martin: Vocals
Bobby Rondinelli: Drums
Teddy Rondinelli: Guitars & Vocals
Neil Murray: Bass

Dennis Feldman: background vocals
Dorothy Ophals: keyboards
Robert Rondinelli: keyboards


1 comentário: