RAM - Rod (2017) Suécia



Este é o quinto álbum dos RAM e tem alguma semelhança com WASP na época de “The Headless Children”. Esta é a primeira sensação ao ouvirmos as palavras iniciais do vocalista Oscar Carlquist, tal é a semelhança com o timbre de Blackie Lawless e até a forma como coloca a voz com efeito dupla-camada. A própria produção também ajuda a criar esse ambiente do álbum de 1989 dos norte-americanos. O quinteto sueco volta aos originais, dois anos depois do último ataque “Svbversvm”.
São 10 temas em 46 minutos que não se esgotam nessa aura tipo wasp, e apesar da banda já ter a sua sonoridade relativamente vincada, também sentimos aquela cavalgada mid-tempo tipo accept e até alguns tiques do tipo Halford, como em “Incinerating Storms”. A banda formada em 2003 já tem um culto razoável por essa Europa fora, Portugal incluído e que os recebeu em 2012 na extinta República da Música.
“Rod” é um trabalho que se ouve muito bem, não enjoa, mas também não deixa muitas saudades, excepto se o fã for die-hard. É o jogar pelo seguro, fazer aquilo que se gosta e a mais não são obrigados. A conquista pelo trono do true heavy metal continua acesa!





Тemas:
01. Declaration Of Independence
02. On Wings Of No Return
03. Gulag
04. A Throne At Midnight
05. Ramrod The Destroyer, Pt. 1: Anno Infinitus
06. Ramrod The Destroyer, Pt. 2: Ignitor
07. Ramrod The Destroyer, Pt. 3: The Cease To Be
08. Ramrod The Destroyer, Pt. 4: Voices Of Death
09. Ramrod The Destroyer, Pt. 5: Incinerating Storms
10. Ramrod The Destroyer, Pt. 6: Ashes
Banda:
Morgan Petterson - Drums
Oscar Carlquist - Vocals
Harry Granroth - Guitars
Tobias Petterson - Bass
Martin Jonsson – Guitars






Share on Google Plus

About Roxx World

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário