vote

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Astral Doors - Notes From The Shadows (2014) Suécia




Para uma banda que ganhou algum sucesso em tudo no género Hard Rock / Heavy Metal, o álbum seguinte é sempre o mais importante. Continuando a crescer musicalmente e editando material de qualidade é o que separa muitos de uma banda ser classificada como um "fogo de vista" ou tornar-se uma que tem uma longa e célebre carreira, geralmente resultando numa coletânea em algum lugar ao longo do caminho. É a dura verdade, mas o "o que você fez por mim ultimamente" anéis de regras verdadeiras para qualquer um que tenta fazer o seu caminho através da cruel indústria da música. Construindo uma carreira de sucesso e viver de acordo com as expectativas de editar um álbum de qualidade é o desafio enfrentado por todas e quaisquer bandas como atração principal, e com o lançamento de "Notes From The Shadows", Astral Doors cumpriram o desafio. Em agosto, eles definem editar o seu surpreendente pedaço de Power-Metal Magic, que deve provar ao mundo que estes músicos estão aqui para o longo caminho e reforçar a sua posição como uma das bandas de metal mais talentosas do planeta.
Vindos da Suécia, Astral Doors são compostos por Patrik Johansson nos vocais, Joachim Nordlund na guitarra, Ulf Lagerstroem no baixo, Johan Lindstedt na bateria, e Joakim Roberg no órgão. Qualquer um que esteja familiarizado com este talentoso Power-Metal, tem experimentado a força pura do alcance vocal de Johansson e certamente já ouviram falar das comparações com o falecido grande Ronnie James Dio. E, embora as comparações sejam justificadas, este vocalista é muito mais do que apenas um som estilo DIO; ele tem um estilo próprio e juntamente com a orgulhosa semelhança de um dos maiores vocalistas da história do heavy metal. Ele está bem no seu caminho para se tornar uma lenda do heavy metal, e tão grande como ele é, a banda por trás dele também é talentosa. Nordlund transporta o incrível machado que proporciona magia no rock n 'roll a cada lick, e para mim, o seu estilo é uma reminiscência de uma versão moderna, power-metal do Jake E. Lee ou Randy Rhoads. Lagerstroem e Lindstedt fazem qualquer um bater o pé e trazem o peso que às vezes é negligenciado numa grande banda de metal, e com Roberg colocar a quantidade certa de teclados por cima, esta banda é o negócio sério.
"Notes From The Shadows", o fenomenal sétimo CD de ASTRAL DOORS, começa exactamente onde "Jerusalem" parou, e eu, pessoalmente, sinto que ele contém algumas das canções mais bem escritas na sua discografia. A música é melodicamente poderosa e não tem momentos de fraqueza em qualquer ponto nestas 11 faixas, solidificando o fato de que bandas como DIO, RAINBOW, DEEP PURPLE, JUDAS PRIEST, BLACK SABBATH que influenciaram fortemente as suas almas ao longo dos anos. Todas essas influências brilham através de "The Last Temptation of Christ", realmente um cativante, up-tempo da música que será extremamente agradável a fãs de Judas Priest em todos os lugares e não poderia ter tido uma melhor seleção para iniciar este álbum. "Shadowchaser" é infundido em blues, tema de power-metal puro que é assustadoramente estilo DIO e pode muito bem ser o meu tema favorito de Astral Doors. O resto das músicas são muito heavy, dark e tenebrosas e som para ouvir o mais alto que conseguir. Tocando power-metal como ele foi concebido para ser tocado, "Notes From The Shadows" é uma coleção de canções que chegarão ao coração no old school Metalhead e trazem de volta as memórias de alguns dos grandes nomes dos anos 80. Com a morte do RJD, há alguns anos, tornou-se mais importante do que nunca para bandas como ASTRAL DOORS, bem como outros como JORN e EXORCISM, para continuar o som que se tornou cada vez mais vazio com a sua morte. Eu esperei muito tempo pelo lançamento deste álbum e não poderia ter ficado mais satisfeitos com o resultado. Se és um fã do ASTRAL DOORS, ou um fã de Power-metal em geral, este é um disco que deve ter. Isto é facilmente um dos meus lançamentos favoritos de 2014.



Temas:
1. The Last Temptation of Christ
2. Disciples of the Dragon Lord
3. Wailing Wall
4. Shadowchaser
5. Die Alone
6. Hoodoo Ceremony
7. Southern Conjuration
8. Walker the Stalker
9. Desert Nights
10. In The Name of Rock
11. Confessions

Banda:
Patrik Johansson– Vocals
Joachim Nordlund – Guitar
Ulf Lagerstroem – Bass
Johan Lindstedt – Drums
Joakim Roberg – Organ




Sem comentários: